As memórias de David Nordahl (09)


''Nunca encontrei alguém que fosse mais bem ajustado ou mais normal [do que Michael]. Ele era um cara tão normal. Tão intelectual e tão brilhante... e tão normal.

Ele era um pai absolutamente fabuloso. Nunca conheci um pai tão bom quanto ou melhor do que Michael. Essas crianças eram uma delícia absoluta! Nunca conheci crianças na minha vida que fossem como aquelas crianças. Passei muito tempo ao redor deles. Nunca os ouvi chorar, nunca os ouvi implorar por nada.

Ele era tão genuíno e tão caloroso e tão atencioso. Em todas as vezes que eu me encontrei com Michael - por quase 20 anos - NUNCA o ouvi levantar a voz para ninguém. Nunca aconteceu.

Ele era uma pessoa tão bondosa. Simplesmente uma pessoa profundamente bondosa. Michael investiu um terço de bilhão de dólares ajudando crianças, pagando por cirurgias, construindo alas hospitalares para orfanatos, uma ala para vítimas de queimaduras e assim adiante e adiante.

Sobre as coisas boas que ele fazia, ele nunca falaria a respeito. Você sempre teria que ouvir isso vindo de pessoas que estavam ao seu redor, porque Michael sempre pensou que se você fizesse um ato de caridade e então falasse sobre isso ou se gabasse disso ou algo assim, tudo o que você está tentando fazer, perderia o seu valor. Então ele nunca falava sobre essas coisas. [...]

Eu perguntei a ele, ''Michael, como você pode fazer isso? Como você pode gastar o tempo com essas crianças que estão morrendo [nos bastidores] e depois se afastar em direção ao palco e dar esse tipo de performance?''

Ele disse: "Como eu não poderia? Se essas crianças querem me ver. Eu sei que não sou importante, mas ''Michael Jackson, o pop star'' é... e se eu posso fazer uma criança viver a mais um minuto ou uma hora ou um dia ou um mês, então... não valeria a pena?''

Michael sempre foi assim. Se ele recebesse uma chamada de alguém e uma criança estivesse morrendo, ele entrava em um avião e depois lhes dizia, ''Eu vou estar de volta em duas semanas para te ver de novo", e muitas vezes ele prolongava a vida das crianças dessa maneira. lhes dava algo pela qual ter expectativa. Você tem que admirar algo assim.

Michael me disse:"Todos nós somos colocados na Terra para fazer algo. Eu fui colocado aqui para ajudar as crianças.''
O que ele fez desde o momento em que o conheci, e ele tinha 29 anos quando eu o conheci, era sobre o que era sua vida. Foi assim até o momento em que ele partiu. Michael nunca mudou.


Michael tinha incrível empatia, especialmente pelas crianças que eram machucadas, negligenciadas ou que estavam doentes. Havia pessoas que estavam com fome e pessoas sem-teto e [estas pessoa] estavam sempre em seus pensamentos durante toda a vida, e então, para ser acusado de algo tão horrível, apenas o golpeou e então, quando aconteceu novamente 10 anos depois, ele ficou devastado, absolutamente devastado.''

[Sobre a aparência física de Michael]

"Oh Deus, não. Nós tínhamos muitas conversas a esse respeito. Ele tinha essa luz interior e ele sempre se considerou extremamente feio. Ele dizia que ele não era um homem bonito. Ele dizia, "É por isso que não faço entrevistas e não faço talk shows... antes de tudo, não tenho uma vida interessante, trabalho o tempo todo." [e era o que ele fazia, trabalhava o tempo todo.]

Michael nunca realmente entendeu que ele tinha aquela luz interior. Eu me sentava e conversava com Michael, eu olhava seus olhos e eu podia ver por mil milhas. Ele tinha esses olhos mais incríveis. Eles ficam bem nas fotografias, mas nada se comparava como vê-los pessoalmente. Quando você estava realmente sentado, olhando para ele. Aqueles olhos eram inacreditáveis.


Havia momentos em que eu estava ao seu redor, onde eu meio que me esquecia quem ele era e então começaria comigo... "Estou sentado aqui ao lado de Michael Jackson.'' Eu nunca superei isso.

Havia momentos em que ele faria essas pequenas coisas rápidas e elas eram como um raio. Era tão rápido, tão preciso e simplesmente incrível.

Eu nunca ouvi Michael reclamar de si mesmo, sobre sua saúde ou qualquer outra coisa. Todas as preocupações que ele tinha eram sempre sobre seus filhos. Mesmo quando ele estava na questão do último julgamento, sempre que falava sobre isso, ele estava tão preocupado, "O que vai acontecer com meus filhos?" Mas nunca dizia, "O que vai acontecer comigo?" E quanto a mim?' Não era sobre "eu". Ele sempre estava pensando nas outras pessoas.

Eu disse para ele, "Por que você deixa que eles façam toda essa porcaria sobre você?" e ele disse, "Antes de tudo, se você estiver neste negócio e você ficar tão exposto quanto eu, essas são as coisas que eles fazem. Não importa o que diga, não vai impedir que essas pessoas façam essas coisas.''

Mas isso também levou à sua queda, porque ele não falou suficientemente cedo. Eles o trataram sem qualquer respeito pelo fato de ele ser um ser humano e por toda a sua vida ter se baseado em fazer boas ações. Como, como vocês podem fazem isso para esse pobre homem?

Michael disse, ''Tenho a sorte de que Deus me escolheu para ter esse talento e eu tenho que usá-lo da maneira correta.''

Ele sempre foi admirado por isso e sempre agradecido e se sentia privilegiado por ter recebido esse talento e querendo usar o dom recebido da maneira correta, o que ele fez e fez a vida inteira. [...]

Ele adorava o rancho [Neverland]. Era o lugar que ele podia ir. Eram 2700 ou 2800 acres. Poderíamos dirigir por aí, poderíamos conduzir carrinhos de golfe, poderíamos caminhar na floresta e não nos preocuparmos com os fãs tentando fazê-lo cair ou qualquer coisa. Ele poderia estar sozinho.

As crianças que vinham ao rancho... todos os passeios e tudo o que havia era acessível para cadeiras de rodas. Tudo foi modificado. Todos os passeios foram modificados também. Ele tinha gaiolas extras construídas, então os braços não poderiam escapar ou os cabelos não poderiam escapar e ficar presos em alguma coisa.

Ele era preocupado com a segurança. Os caras que dirigiam os passeios ... eles eram enviados a Kansas City a cada 6 meses e recebiam treinamento especial para poder recepcionar as crianças com deficiência física. Todas essas bases eram cobertas e até no teatro, havia duas salas e havia paredes de vidro, com camas hospitalares instaladas, a fim de que crianças em estado crítico pudessem se sentar na cama e assistir o filme. Ele pensava em tudo.

Então, claro, notei, porque ele não tinha nenhuma maquiagem, eu percebi o Vitiligo. Estava no lado direito do rosto e pelo pescoço e também na parte de trás da mão. Não me lembro de qual deles. Eu não sei até onde ele subia pelo braço porque ele tinha uma camisa de manga comprida, mas eu notei o Vitiligo e, com o passar do tempo, o Vitiligo se espalhou e se espalhou e se espalhou e foi difícil para ele quando ele teve que aparecer em público ou para se apresentar, para obter o tipo certo de maquiagem, porque ... aquela pele era branca, não como branca caucasiana.

Era translúcida, branca como a neve. No início, ele usou maquiagem mais escura para cobrir isso, mas, à medida que se espalhava, se tornou cada vez mais difícil deixar a pele branca conforme a cor do restante de sua pele, então ele teria que ir para mais leve e mais leve e maquiagem mais leve.

É claro que a imprensa o perseguiu a respeito disso, sobre ''tentar ser branco''. O que é a coisa mais distante da verdade. Michael nunca quis ser branco. Ele estava orgulhoso de quem ele era e de onde ele vinha, mas ele não tinha escolha. A única coisa que ele nunca fez, ele nunca reclamou sobre isso. E ele tinha todo o direito de ter reclamado.

O jeito que ele vivia mudou após ele ter seus filhos. Ele estava tão preocupado com a segurança deles. Ele sempre se preocupava que eles poderiam ser sequestrados ou prejudicados de alguma forma ou tomados como reféns por resgate.

Ele me chamou quando Diana morreu em Londres e ele estava simplesmente totalmente apavorado.

Ele disse, "Isso poderia ter acontecido comigo. Nós somos tão perseguidos"... e ele estava tão preocupado. Ele estava preocupado que as crianças tivessem um acidente terrível, então é por isso que ele manteve as crianças mascaradas porque ele não queria que ninguém soubesse como elas pareciam.

Ele era muito divertido estar por perto. Nem tudo era tristeza. Nós rimos tanto. Ele tinha um grande senso de humor, adorava piadas práticas ... Nós estaríamos caminhando e ele cantarolava. Mas não como Michael Jackson. Ele cantava como se fosse um homem no chuveiro, apenas cantando.

Eu odiava ver que a alegria saía de sua vida, porque ele era uma pessoa muito alegre. Ele era uma pessoa feliz e apenas uma ótima diversão para estar por perto.

Quando eu o encontrei pela primeira vez, ele usava uma camisa de veludo vermelho e calças pretas e mochilas que estavam jogadas nas costas. É assim que ele se vestia a maior parte do tempo quando eu o encontrava. Quando ele não estava em público.

Ele vivia com tanta simplicidade. Michael nunca usava jóias... sem anéis, sem cintos, sem relógios, nada, nunca. A única vez em que ele usava essas coisas era quando estava no palco. Eu estava tão impressionado com a simplicidade com a qual ele vivia.

Há tanta desinformação sobre Michael, exceto por qualquer coisa que eu conheça pessoalmente, eu simplesmente não confio nisso. As pessoas estão tão dispostas a aparecer na TV. Eu não sei o que é, mas elas estão tão dispostas a oferecer informações. Isso costumava irritar Michael, porque ele dizia coisas como "Eu vi uma entrevista com a minha cabeleireira e ela está falando sobre mim e ela não sabe nada sobre mim!"

Ele se mantinha realmente em privado e eu consegui ser realmente um bom amigo com ele, então falamos sobre tudo o que era possível, mas para a maioria das pessoas, Michael não fazia isso, apenas por medo de as pessoas se virarem e conversar com outra pessoa sobre isso. Coisas privadas.

Eu nunca o fiz. Eu nunca entrei nessas entrevistas nem nada, durante esse tempo. Ele se sentia bem comigo. Ele sentia que poderíamos conversar sobre coisas e eu não iria dar uma volta e falar para outras pessoas sobre coisas das quais falávamos em privado.

Eu passei muito tempo com ele, especialmente depois dessa coisa de 2003, e ele não conseguia dormir. Michael geralmente tentava adormecer por volta das 23 horas e, às vezes, ele adormecia, mas mesmo que ele o fizesse, ele acordava de novo e então ele sempre me perguntava, "Está tudo bem se eu acordar você?" e eu dizia, "Sim, venha na minha porta", o que ele fazia, e então ele sempre se preocupava.

Ele dizia, ''Oh, você não estava dormindo?'', e eu dizia, ''Bem, se eu me sentir muito cansado, vou tirar uma soneca à tarde. Nós simplesmente sairíamos assim no meio da noite até a manhã chegar."

David Nordahl (amigo e retratista pessoal de Michael Jackson)

Fontes:

Invincible Moonwalkers United
Tradução: Rosane / Imagens do meu arquivo

11 comentários:

  1. Que vida e que história teve o nosso anjo!!! Exemplo de força pra nós, exemplo de ser humano...
    Fico sem palavras para descrever o sentimento que tenho por ele... se Michael não existisse teria que ser inventado...
    Anjo de luz em nossas vidas!!! Te amo tanto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Michael nasceu para se transformar em uma lenda, ainda em vida... assino embaixo de tuas palavras, amiga. Nós o amamos tanto... e incrível observar o que o bullying pode causar de prejuizo na vida de uma pessoa... um homem tão sensacional e bonito se achar muito feio.... dá para notar a dimensão do estrago que aquele bullying desde a infância causou nele.

      Excluir
    2. Ainda pensam que bullying é frescura.

      Excluir
    3. Sim, sempre traz consequências.....

      Excluir
  2. É muito bom saber que ele ao menos um amigo teve durante esse período fatídico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade... um jornalista até ofereceu uma bolsa de dinheiro para o Nordahl, e ele recusou. Bastava que ele inventasse qualquer absurdo sobre o Michael.

      Excluir
  3. Michael é um anjo de luz...iluminando os nossos caminhos com seu amor.
    Te amarei eternamente...Meu lindo anjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim... tivemos o privilégio de viver na mesma época em que ele esteve aqui.

      Excluir
    2. Realmente... uma época de ouro!!!
      Energia poderosa que permanece até os dias de hoje.
      Michael Jackson...para sempre!!!

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Este é um espaço de amor à memória de Michael Jackson. Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...