Guinness Book of Records [1986]

Roger Enrico e Michael Jackson
Em Maio de 1986, Michael Jackson foi introduzido no Guinness Book of Records em uma cerimônia em New York, celebrando o maior contrato de patrocínio comercial entre um indivíduo e uma grande corporação.

Alan Russel entregou para Michael um prêmio onde se lê World Record - Michael Jackson - Largest Endorsement Agreement by an Individual and a Major Corporation.

Michael Jackson tinha recentemente assinado com a Pepsi-Cola dos E.U.A. para aparecer em três comerciais por um valor estimado em 15 milhões de dólares [valores da época].

Michael fez uma breve aparição para renovar a sua parceria com a Pepsi-Cola e dizer "Obrigado". Conforme relatado no The Times, o acordo foi de US $ 50 milhões, com um pagamento inicial ao artista entre US $ 10 e 15 milhões.

Ninguém da equipe de Michael Jackson soube precisar o valor exato.No entanto, uma fonte da Pepsi, que pediu para não ser identificada, estima que as receitas diretas para Michael giraram em torno de US $ 10 milhões.

O custo para a Pepsi, incluindo os custos de publicidade e de produção, teria um total de até US $ 50 milhões, segundo fontes da Pepsi.

*Fontes de dentro do campo de Michael Jackson disseram ao The Times [fonte desta matéria] que a receita direta para Michael na verdade seria mais de US $ 15 milhões.

video

"Ele é muito tímido", disse Roger Enrico - então Presidente da Pepsi nos E.U.A. - após Michael Jackson ter ido embora. "Ele fica mais confortável quando ele está no controle da situação, e esse tipo de situação está fora de seu controle."
































Fontes:
Imagens do meu arquivo
http://articles.latimes.com
http://www.mjjcommunity.com


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...