Mark Makowski

Polônia [1996]
''Tudo começou há 15 anos, quando o meu irmão mais velho me apresentou Michael Jackson em um CD que ele tinha comprado para ele. No começo, não era nada especial para mim, mas depois de alguns meses eu comecei a reconhecer e admirar Michael Jackson no rádio e na TV.

Finalmente, em 1996, eu descobri que Michael estava vindo para o nosso país, a Polônia e eu adoraria assistir ao seu primeiro concerto de nossa história e de sua carreira. Infelizmente, eu tinha apenas sete anos de idade e não pude assistir Michael Jackson ao vivo porque ninguém queria cuidar de mim durante o concerto.

Eles explicaram: " Você pode imaginar quantas pessoas vão estar lá? Você poderia facilmente morrer na multidão." 

Então, assim que soubemos que Michael estava apenas a cinco minutos da minha casa, tudo o que eu pude ver dele foram os seus carros indo para o aeroporto depois do concerto. Frez com que eu me sentisse muito triste e com raiva e eu chorei muito.

A partir desse momento, eu disse a mim mesmo que eu seria o segundo melhor dançarino, depois de Michael Jackson, é claro. Eu comecei a praticar sua dança e até hoje ainda o faço. Meu sonho era dançar para ele. Quando eu ouvi falar de seus concertos em Londres , eu sabia que eu teria que estar lá para vê-lo, finalmente, atuar, e eu poder sentir sua genialidade e criatividade.

Eu estava flutuando quando consegui o meu bilhete e eu sabia que poderia finalmente vê-lo, ao vivo. No entanto, desta vez o destino foi muito cruel para mim e para todos os fãs de Michael Jackson. Desde o dia em que Michael morreu, eu chorei por uma semana. Minhas lágrimas não paravam de correr. Nosso gênio da música e da dança, a minha maior autoridade moral, tinha desaparecido.

Mas ele me deixou o seu amor e inspiração que irá representar a ele para o resto da minha vida. Eu comecei muitas coisas por causa dele e eu não vou parar. Uma dessas coisas é ensinar os jovens a dançar como ele, porque eu acho que eles precisam saber quem foi o gênio criativo e a pessoa mais maravilhosa, o maior artista que o mundo já viu. Obrigado, Michael, você ainda vive no meu coração e em tudo o que você fez.''

by Mark Makowski
*Depoimento de um fã da Polônia no livro It's All About Love

Nota: A publicação sobre a chegada de Michael na Polônia 
para a HIStory Tour se encontra aqui


Fonte: http://forevermichael.forumeiros.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...