''Um Jantar Com Andy Warhol e Michael Jackson''

Andy Warhol retratou Michael Jackson em 1987 
Em 1969 o artista Andy Warhol fundou a revista Interview, dedicada à publicação de diálogos entre Andy, seu colaborador Bob Colacello e pessoas que estivessem preocupadas com a sua contribuição à cultura pop [e não apenas musical]. Abaixo, segue uma das entrevistas então publicadas na revista.

Um Jantar Com Andy Warhol e Michael Jackson

Segunda-feira, 31 de janeiro de 1977, 22:00. Na Av. Park 502, Andy Warhol e Catherine Guinness sentam com Michael Jackson e Susan Blond, publicitária da da gravadora de MJ, a Epic.

Próxima a Andy Warhol está Stephanie Mills - estrela de The Wiz que, ao final da entrevista, pede que Michael dance com ela - e a comitiva de MJ, consistindo de um empresário e um segurança.

Legendas:
AW = Andy Warhol
CG = Catherine Guinness
MJ = Michael Jackson
SB = Susan Blond
SM = Stephanie Mills
[Fita #1, Lado A]
[Introduções]

Ao fundo, o som do [Restaurante] Regine's toca incessantemente Isn‟t she lovely?, My love is free, Don‟t leave me this way etc…

Andy Warhol: É meio barulhento, não?

Susan Blond: Eu disse que nós precisaríamos de um pouco de silêncio, acho que foi por isso que nos colocaram aqui. Mas está bem barulhento, você tem razão. Você pode perguntar para o Michael através de mim.

Catherine Guinness: Você veio para New York para gravar um disco ou o quê?

Michael Jackson: Não, para fazer entrevistas. De onde você é?

CG: Londres. E você?

MJ: De Gary.

CG: Onde é isso?

MJ: Em Indiana.

CG: Entendo. E onde fica isso?

MJ: No centro-oeste.

CG: Entendo. Que agradável.

MJ: Você gosta de desenhar?

AW: Se eu gosto de desenhar?

MJ: Você gosta de arte?

AW: Ahh... eu realmente gostaria de fazer filmes, mas eles são tão difíceis de se fazer.

MJ: Eu sempre achei que você fosse um poeta.

AW: Um poeta? Um poeta geralmente compõe boas músicas, mas eu não consigo nem cantar.

[Eles fazem o pedido]

AW: A salada é realmente ótima. Tem trufas, fígado...

CG: Você é o mais velho da família que canta e toca?

MJ: Eu canto sozinho.

CG: Eu achei que você tivesse irmãos que também cantavam.

MJ: Eu tenho.

CG: Você é o mais velho ou o mais novo, o do meio, ou...?

MJ: Eu sou o segundo.

CG: O segundo o quê?

MJ: O segundo mais novo.

CG: Entendo. São todos rapazes?

MJ: Somos em nove - três garotas e seis rapazes.

SB: E as garotas estão no show, também. Elas estão no programa de TV.

CG: E os seus pais? Eles cantam e dançam também?

SB: O pai é o empresário.

CQ: Que elegante.

SB: Esta é a sopa de trufas?

MJ: O que são trufas?

[Servem-se de sopa]

MJ: Eu gosto de carne com batatas.

CG: Você ensaia todos os dias?

MJ: Quase todos os dias.

CG: As garotas ainda devem estar ainda na escola, não?

MJ: Sim. Elas fazem o programa de TV agora, mas não viajam em turnês com a gente.

CG: Entendo. E elas sapateiam?

MJ: Uma delas.

CG: Que elegante. Eu gostaria de poder sapatear.

AW: O que você está fazendo em New York?

MJ: Entrevistas.

AW: Você vai ter que usar o banheiro logo.

MJ: Eu sei. Eu bebi muita água.

SB: Eles vão fazer um programa com o Fred Astaire, mas não vai poder ser nesta temporada. Eles vão ter de esperar pela próxima.

AW: O que você quer dizer?

SB: Eles querem convidados que atraiam mais os jovens.

MJ: É de onde vem o ibope.

CG: Mas às 20h30, eles não devem ser muito jovens.

MJ: O quê?

CQ: Eu disse, “Mas se vai ao ar às 20h30, o público não deve ser tão jovem.”

MJ: Bem, são jovens e velhos. Mas os fãs jovens são a base, são os que controlam os televisores hoje em dia. São eles que dão os pontos do ibope, são eles...

[Fim do Lado A]

[Fita #1, Lado B]

MJ: ...apenas falando.

AW: Ok, você pode falar agora.

CG: Está muito tarde. Já contamos tudo agora.

AW: Contaram o quê?

CG: Nós contamos um ao outro os nosso segredos mais íntimos.

AW: Ela contou mesmo? Você tem algum segredo íntimo? Não? Ah, vamos lá, você deve ter um. Não? De verdade?

MJ: Sabe com quem eu te vejo sempre? Eu não sei porque, mas quando eu geralmente vejo uma foto sua você, está com Alfred Hitchcock. Eu pensei que vocês fossem irmãos ou algo assim.

SB: Onde saiu essa foto? Na Rolling Stones ou alguma outra revista?

AW: Não, eu acho que foi na People.

MJ: Você o entrevistou? Ele fala de um jeito engraçado, não?

CG: Ele é britânico, não?

AW: Ele fala como ela. Ela fala de um jeito engraçado.

CG: Eu falo sem sotaque. Você fala com sotaque.

AW: Você não gosta da voz de Susan? Você não pode colocá-la no seu programa de TV?

MJ: Sim, vamos mandar um avião para buscá-la. Ela consegue atuar? Ela é boa?

AW: Ela é muito boa. Ah, você tem um desenho na TV que eu vejo toda hora. É o meu programa favorito nas manhãs de sábado. Eles ainda estão fazendo episódios?

MJ: Eles estão reexibindo. E exibindo em outros continentes.

AW: Há quanto tempo você trabalha? Desde os dois anos, ou...?

MJ: Desde os quatro anos.

AW: Há quantos anos foi isso?

MJ: Eu tenho dezoito anos agora.

AW: Quatorze anos - Deus, isso é muito tempo.

MJ: Mas sabe, se é divertido e você gosta, é uma coisa boa.

SB: Deus, todas essas trufas e esse fígado!

MJ: Isso é caviar?

CG: Sim, e ovos mexidos. Você quer um pouco?

MJ: Não estou com muita vontade.

AW: Ah, porque você não experimenta? Vamos lá...

MJ: Talvez só um pouco.

AW: Está muito bom. Você tem que experimentar.

SB: É muita coisa. Quando eu como, eu coloco um pouquinho por vez no prato. Dê um pedaço a ele.

[Michael Jackson concorda em provar o caviar.]

MJ: Você honestamente gosta dessa coisa?

CG: Sim, mas eu não consigo explicar o porquê, o que é curioso. Talvez seja a textura.

MJ: Eu não consigo entender. Como alguém pode comer essa coisa?

AW: Quando você começar a levar sua namorada pra sair, vocês vão ter de começar a comer todas essas coisas.

MJ: Não!

AW: Sim, terão.

MJ: Não, se eu não gostar da comida.

AW: Tantas pessoas gostam, então deve ser bom.

CG: E eles colocam tão pouco. Deve ser por isso que é bom.

AW: Escute, quando eu estava no Irã eu comia isso o dia inteiro.

MJ: Você já foi à Disney? Você gosta de lá?

AW: Sim, é muito bom.

MJ: Eu gosto da sua camisa de boliche. Onde você comprou?

CG: Na Inglaterra, no mercado Kensington, o que é estranho dizer. É americano.

AW: Eu guardo todas as minhas roupas velhas em caixas. Você tem os melhores figurinos. O que vocês fazem com eles depois que não usam mais?

MJ: Nós os guardamos. Nós temos três quartos cheios deles.

CG: Que ótimo. Quem os desenha? Bob Mackie?

MJ: Ele fez alguns para nós.

AW: Que ótimo. Com cequim?

MJ: Não, só camisas. Nós temos todas as nossas roupas antigas - desde os tempos do Ed Sullivan Show.

AW: Aquela foi a primeira vez que vocês apareceram na TV?

MJ: Ah-ham. Vai ao ar novamente nesta sexta, no show de 25 anos do programa do Dick Clark.

SB: E vocês vão se apresentar no Grammy também, certo?

MJ: Ah-ham. Nós vamos receber um disco de ouro por Enjoy Yourself

AW: Por o quê?

MJ: Enjoy Yourself!

AW: Ótimo.

SB: Ele provavelmente nem sabe o que é. Porque você não canta um trecho. Vamos lá...

[Michael Jackson concorda e cantarola um trecho de Enjoy Yourself.]

SB: Não é engraçado ver toda essa gente rica dançando?

MJ: Por que o Andy não dança?

CG: Ele nunca dança. Eu só danço se estiver muito bêbada.

MJ: Mas aí você não consegue dançar.

AW: Você tem namorada em Hollywood?

MJ: Não.

AW: Mas você é tão bonito.

MJ: Eu nunca tive um encontro... eu quero dizer, tirando aquele do The Dating Game. E aquilo foi trabalho.

AW: Oh, eu sei.

MJ: Você gosta daqui?

AW: Do Regine's? Eu amo aqui.

MJ: Não, eu digo...

[Final do Lado B - nós podemos observar que a conversa foi interrompida na troca de fitas.]

[Fita #2, Lado A]

MJ: ...em Las Vegas.

SB: Eles causaram um tumulto há semanas atrás quando promoviam o disco em São Francisco.

MJ: Foram os fãs do lado de fora, na janela da loja.

SB: Eles tremiam tanto que a janela quebrou e cortou todo mundo. Você poderia conversar com Michael sobre isso por horas e horas.

MJ: Sim, foi horrível. Uma garota teve a garganta aberta. Tinha sangue por todos os lados. Eram tipo mil crianças amontoadas na janela.

AW: Jesus, que assustador.

MJ: Você já viu The Wiz?

AW: Sim, eu vi na noite de estreia. Foi ótimo. Stephanie estava ótima nele. E agora eu a vejo toda noite nos comerciais da peça na TV. Eles são muito, muito bons. Este é o seu primeiro encontro cheio de gente te fiscalizando?

SB: Ih, geralmente ele sai com umas seis pessoas!

MJ: Meu primeiro dia ou encontro?

AW: Não, eu quis dizer se esse é o seu primeiro encontro com uma estrela?

MJ: Não, eu fui à peça dela. Ela teve uma grande festa depois. Todas as estrelas da Motown estavam lá. Foi realmente grande. Foi tão legal. Ela recebeu aplausos de pé três vezes. Diana Ross, Stevie Wonder - todo mundo estava lá.

AW: Ótimo.

MJ: Você tem filhos?

AW: Eu? Eu não acredito em casamento.

MJ: Sério? Por que não?

AW: Eu não acredito no amor.

MJ: Sério? Você não acredita? Você só namora?

AW: Sim, eu gosto de namorar.

MJ: Você vive sozinho?

AW: Com os meus cachorros. Você mora com a sua família? Com todos eles? Todos os nove?

MJ: Cinco deles não moram mais lá.

AW: Todos eles já se casaram?

MJ: Quatro deles.

AW: Eles provavelmente terão muitos filhos também, certo?

MJ: Talvez tenham. Você gosta de crianças?

AW: Ahh... contanto que não sejam minhas.

SB: Você deveria ver alguns dos primeiros filmes do Andy, algum dia. Ele fez alguns filmes com quatro, oito, 24 horas de duração...

MJ: Só com narração?

AW: Só com a narração das pessoas na plateia que não caíram no sono. Você dorme oito horas por noite?

MJ: Eu tento. E você?

AW: Eu nunca conseguia. Eu costumava dormir uma hora por noite. Agora eu consigo.

SB: Você está lendo alguns roteiros agora ou isso é para um momento mais distante no futuro?

MJ: Eu estou sempre olhando... tem uma ideia que eu quero fazer, por mim. É sobre este cara que quer ser um dançarino de sapateado. É sobre sua luta para entrar no show business.

SB: Quantos milhões de discos vocês venderam ao todo? Oitenta?

MJ: Sessenta.

SB: Quando nós assinamos os Jacksons com a Epic, nós também, naquele acordo, concordamos que eles lançariam álbuns de Michael Jackson.

AW: Ótimo. Você tem cachorros?

MJ: Eu tenho três - um Doberman e dois pastores alemães.

AW: Três cães assustadores. Por que você tem três cães assustadores?

MJ: Eles são os cães de guarda da casa.

SB: Conte a ele sobre o seu papagaio.

AW: Ele fala? O que ele diz?

MJ: Ele é louco. Ele ri, ele chora, ele diz 'oi', ele diz 'adeus', ele canta ópera...

AW: Sério? Qual ópera?

MJ: Ele é louco. Barry White deu ele para mim de Natal.

SB: Hoje, pouco antes desta entrevista, Michael foi ao zoológico daqui porque ele ama esse tipo de coisa.

MJ: Eu costumava ter muitos passarinhos, mas tive de me livrar deles. Eu tive um pavão, um avestruz...

SB: Na sua casa antiga?

MJ: Sim. Nós nos mudamos de lá. Mudamos porque as casas eram muito próximas umas às outras. Nós construímos um estúdio na nossa casa - de 16 faixas, você sabe, e tudo mais - e quando nós íamos ensaiar, os vizinhos reclamavam. Então nos mudamos.

AW: Quais estrelas de cinema reclamaram? Todas elas?

MJ: Só uma estrela de cinema reclamou. Frank Sinatra morava bem do nosso lado.

AW: Ele reclamou?

MJ: Não, ele nunca reclamou. Mas a sacada dele ficava bem do nosso lado.

AW: Sério? Você chegou a vê-lo?

MJ: Sim, eu o vi muitas vezes.

AW: Mas na sacada?

MJ: Nunca na sacada.

AW: Oh.

MJ: Você tem alguma foto sua? Poderia me mandar uma?

AW: Eu mandarei uma minha se você me mandar uma sua.

SB: Oh, que fofo.

MJ: Você conhece Stevie Wonder?

AW: Eu encontrei com ele uma vez quando ele tocou com Mick Jagger no Madison Square Garden. Ele é realmente maravilhoso. Eu dei a ele uma câmera de presente e ele tirou fotos com ela, mas eu não sei se ele um dia irá, ahh...

SM: Vamos lá, Michael, vamos dançar.

MJ: Eu só quero assistir.

SM: Oh, vamos lá, Michael, por favor...

MJ: Eu quero apenas assistir.

SM: Não, Michael, por favor, por favor...

MJ: É que eu não estou acostumado a dançar se...

SB: Se ele não está sendo pago para isso.

SM: Michael, Michael...

MJ: Eu vou assistir. Não gosto de chamar atenção.

CG: Se uma jovem pede para você dançar, você não pode recusar.

SM: Michael, por favor. Michael, Michael, Michael...

[Michael Jackson concorda em levantar e dançar.]

Outra entrevista, esta ocorrida entre 1978 e 1979.

Andy Warhol: Oh, como vai? Ainda não tinha visto você por aqui.

Michael Jackson: Eu estou bem, obrigado. E Você?

AW: Bem, muito obrigado. O que você está fazendo aqui? Eu nunca vi você por aqui!

MJ: Eu estou bem!

AW: Você gosta do Studio 54?

MJ: Sim, é um lugar muito agradável. Todos estão bem aqui...

AW: Você já conheceu Steve? [Steve Rubell que criou a casa Studio 54]

MJ: Não, ainda não.

AW: Ah, você deveria conhecê-lo! Ele é muito legal.

MJ: Sim, eu irei encontrá-lo algum dia...

AW: O que você está fazendo agora?

MJ: Eu vou gravar meu álbum.

AW: É mesmo? Você não vai gravar com seus irmãos?

MJ: Eu não sei ainda. Mas agora eu vou gravar meu álbum solo.

AW: Oh, Uau, é emocionante! O álbum com seus irmãos [Destiny] é muito bom... eu o amo.

MJ: Você é muito gentil, obrigado.

AW: Você já tem ideias para o seu álbum solo?

MJ: Sim, estou compondo várias demos neste momento. Eu estou só começando...

AW: Você sabe? No outro dia eu vi o vídeo de Blame It On The Boogie na televisão. Eu adoro quando nós vemos apenas os pés e pernas em toda parte!

MJ: É mesmo?

AW: Ah, sim

MJ: Eu não gosto do vídeo.

AW: É mesmo? Por quê?

MJ: Não é aquilo que eu queria. Não é o que eu queria.

AW: Você gostaria de gravar outros vídeos?

MJ: Sim, tenho muitas ideias para meus futuros vídeos. Mas eu tenho que terminar primeiro meu disco antes que eles surjam.

AW: Você vai sair em turnê em breve?

MJ: Não que eu saiba.

AW: Eu não fiz uma foto! Quer uma?

MJ: Ah, sim! Seria muito bom! Muito bem. Mas como fazer as fotos?

AW: Eu uso um monte de filmes, amplio e coloco na tela. É um processo longo, mas eu gosto.

MJ: Eu amaria ver como se faz, um dia...

AW: Ah, você sabe? Eu não acho que isso é mais interessante do que aquilo que você faz. Entretanto você como cantor, é muito mais interessante. Eu amo música!

MJ: Por que você começou na arte, então? Você tem produzido uma banda de rock, não?

AW: Sim, The Velvet Underground. Mas isso é passado.

MJ: Você gosta de dançar?

AW: Dançar?

MJ: Sim.

AW: Eu?

MJ: Sim [risos].

AW: Oh, não, eu não danço. Eu amo tocar, mas não sei dançar.

MJ: Você deveria aprender. Eu tenho certeza que você poderia se tornar um bom dançarino.

AW: Oh, isso é muito gentil da sua parte.

MJ: Eu estou sendo sincero.

AW: Quando você conseguirá seu álbum?

MJ: Eu não sei ainda. Quando for a hora dele realmente estar pronto, ele irá sair.

AW: Quem vai trabalhar com você neste álbum? Com seus irmãos?

MJ: [Risos] Não, meus irmãos não estão envolvidos neste álbum. Eu estou trabalhando com grandes pessoas: Quincy Jones, a quem conheci durante as filmagens de The Wiz, mas... hum... muitas pessoas.

AW: É como Destiny?

MJ: Ah, não.

AW: É para dançar, pelo menos?

MJ: Sim, sim.

AW: Oh, isso é ótimo, eu amo dance music.

MJ: Eu também.

AW: Você viu David Bowie no show de ontem?

MJ: Não, eu não pude. Como foi?

AW: Ah, foi muito bom! Você já o viu em concerto?

MJ: Sim, quando eu era mais jovem. Seu show foi realmente impressionante, e muito bom para se dançar. Seus gestos de mímica são simplesmente excelentes.

AW: É uma de suas inspirações?

MJ: David Bowie?

AW: Sim.

MJ: Sim, a sua maneira de se mover no palco e sua evolução musical... Eu quero dizer, ele é um gênio. É inevitável que inspira a todos.

Michael Jackson e David Bowie
[arquivo do blog]

AW: Você o conheceu?

MJ: Sim, depois de um concerto. Perguntei-lhe como fazia seus passos de dança.

AW: Sim, mas isso aconteceu há muito tempo.

MJ: Ele é uma pessoa muito legal. Eu gosto dele.

AW: Ah, sim.

MJ: Eu tenho que ir.

AW: Oh, ok.

MJ: Foi um prazer conversar com você.

AW: Oh, obrigado. Não se esqueça de vir fazer a sua foto.

MJ: Sim, sim.

Fonte: O livro ''As várias faces de Michael Jackson''  de Marcílio Costa da Silva

Nenhum comentário

Postar um comentário

*Bem-vindos, Moonwalkers! :)
Os comentários são moderados [a fim de evitar spams]
e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line.
Esta página é feita com amor e eu agradeço a sua presença.
*Rosane [admin. do blog]

Obs.: Para assuntos não referentes à matéria eu peço que utilize o email [cartasparamichael@gmail.com] ・。.。・゚゚・。.。・゚゚・。❊

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...