''Eu não o amei como ele me amava''


"Sabemos que nunca haverá outro Michael. Nós, o mundo, não o protegemos suficientemente. Francamente, não o tratamos bem. E agora ele não se encontra mais. Ao assistir a um filme que Michael nunca pretendia libertar, senti um pequeno voyeur, espiando um homem que se preparava para apresentar a alma ao tribunal geral.

Senti como se eu invadisse um espaço privado sagrado. Mas agradeço essa oportunidade. Agora me parece que conheço a alma desse homem chamado Michael Jackson. Sempre adorei seu talento, mas não conhecia Michael, o homem. E isso não foi suficiente.

O último presente que recebi de Michael é a percepção de que minha música favorita The Man in the Mirror tem um significado mais profundo do que Gandhi dizia: "Torne-se a mudança que você deseja ver no mundo.'' 

Neste planeta, há pessoas que sentiram a luz de Michael antes, há mais tempo, e que nunca duvidaram - provavelmente porque viram em Michael o reflexo de sua própria luz. Bem como aqueles que viram nele o reflexo de sua sombra mais escura. Que pena que Michael Jackson precisasse morrer para me levar a um espelho e me trazer a luz brilhante que ele era. Eu simplesmente não o amava tanto quanto ele me amava.''

Barbara Kaufman (educadora e ativista social)

2 comentários:

  1. Nossa, que texto profundo e verdadeiro...
    Eu só lamento não ter nascido antes pra acompanhá-lo desde o começo, simultaneamente... viver na época de Off the Wall por exemplo seria mágico!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que tudo tem o seu tempo para acontecer, e despertar as pessoas fazia parte desta missão espiritual de Michael.

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Este é um espaço de amor à memória de Michael Jackson. Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...