The Way He Made Me Feel (05)


Trechos selecionados do livro The Way He Made Me Feel 
(2005) uma biografia da modelo Tatiana Thumbtzen.

''Quando terminamos as fotos, o gerente de Michael, Frank Dileo, se juntou a ele em seu trailer e alguns minutos mais tarde, eles me pediram me juntar a eles.

Quando eu entrei no trailer, Frank assumiu o controle, enquanto Michael parecia estar um pouco desconfortável em buscar as palavras. Ele gentilmente me pediu para me sentar a eles e experimentar uma torta.

Michael sentou-se ao lado da janela e eu me sentei ao lado dele, enquanto Dileo tirava os recipientes de dentro da sacola. Michael, impaciente como uma criança, a abriu e começou a retirar o alimento.

Frank perguntou: "Então, como é que você está indo?''

Comecei a lhes contar sobre a minha entrevista para a revista Time. Michael estava curioso e parecia não saber nada sobre isso. Frank, por outro lado, estava ciente da entrevista e começou a explicar o cenário para Michael.

Frank então me ofereceu um pouco da sua torta de banana, e eu soube mais tarde, que era uma das favoritas de Michael.

Quando eu me coloquei para pegar um pedaço, de alguma forma eu acabei com uma fatia maior do que a do Frank e eu, brincando, comentei que, de qualquer maneira, eu precisava mais dela do que ele. Frank foi pego de surpresa pelo meu comentário, e seu rosto ficou vermelho.

Depois de alguns minutos de um pequeno bate-papo, Frank me disse que ele e Michael precisavam discutir negócios.

Eu desejei não ter feito o comentário, mas eu não tinha dito que com qualquer má intenção. Michael só ficava rindo como uma criança. Na verdade, Frank riu e bastante. 

No entanto, eu não acho que ele disse que tinha que discutir negócios por causa do meu comentário. Eles saíram logo depois. Frank estava sempre correndo para algum lugar.

Voltei para o estúdio para sair com Craig, enquanto Michael continuou sua filmagem. Craig e eu estávamos por perto com a maquiadora de Michael, Karen Faye.

Michael e Craig estavam rindo de alguma coisa entre eles, como uma piada só deles, enquanto eu estava ao lado de Karen. Ela me perguntou o que estava acontecendo - por que eles estavam rindo? Eu respondi que não sabia, e eu não sabia mesmo. Eu estava simplesmente sorrindo de alegria por estar lá. Eu estava nas nuvens.

Eu podia sentir a energia negativa de Karen - provavelmente porque ela achava que eu estava escondendo alguma coisa dela.

O boato por aí era o de que Karen tinha sentimentos por Michael. Ela confirmou a minha sensação pela forma como me desprezou e ela não tentou escondê-lo. Você pode sentir o coração de uma pessoa, quando você olha em seus olhos.

Qualquer um poderia dizer que Michael e eu tínhamos química quando estávamos juntos. Era visível e havia comentários de seus sentimentos sobre mim, por aí.

Craig estava constantemente me dizendo que Michael estava perguntando sobre mim e Michael gostava de lhe pedir para transmitir saudações para mim. Foi divertido estar lá e ver Michael novamente.

No final do dia, eu percebi que eu não tinha uma carona para casa. Ainda uma novata em Nova York, até então eu não dirigia.

O táxi para o estúdio tinha custado mais do que eu esperava e eu não tinha dinheiro suficiente para pegar um táxi para casa. Craig me empurrou para pedir uma carona para Michael.

Tímida demais para ir diretamente para Michael, expliquei minha situação a Miko Brando, filho de Marlon Brando, e perguntei se ele poderia me emprestar algum dinheiro ou me dar uma carona.

Miko se ofereceu para verificar com Michael, mas pensei que não seria nenhum problema me dar uma carona na limusine.

Poucos minutos depois, eu estava no meu caminho para casa, sentado ao lado de Michael em seu Mercedes preto, o qual Miko dirigia. No começo, Michael parecia nervoso e agitado como uma criança. Conversamos muito, principalmente sobre nossas famílias.

Perguntei a Michael porque ele sempre usava fita adesiva nas pontas dos dedos durante suas performances. e ele explicou que a fita dá uma ilusão de extensão para o teatro. Pensei como ele era engenhoso e eu lhe disse: "Você é um gênio!''

Michael amou esse elogio e ele sorriu de orelha a orelha. Ele docemente disse: "Oh, obrigado."

Eu coloquei minha mão em cima de uma de suas mãos e então eu peguei e coloquei em ambas as mãos, segurando-as com cuidado. Eu podia sentir seu nervosismo.

Então, de repente, ele pegou o telefone por causa de uma chamada de sua secretária Joli. Eu soltei uma das mãos para que ele pudesse atender o telefone.

Ele comentou que a minha mão tinha uma certa aspereza, como sua irmã ou membros de sua família. Ele não disse isso de uma maneira ruim ou para insultar e é verdade. Minhas mãos são de uma velha alma, e as outras pessoas têm percebido isso antes.

Senti que Michael gostava de me tocar mas, de alguma forma, ele simplesmente não sabia como lidar com isso.

Quando ele me deixou, eu agradeci e disse que esperava vê-lo novamente.

Ele disse: "Oh, você vai."

Fonte: http://mjfa.forumotion.com

15 comentários:

  1. Tatiana já sentiu a presença do ciúmes da karen rsrs
    Mas ela não perde tempo mesmo é já tratou de pegar nas mãos do michael no carro u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, ela é daquelas que não perdem tempo. Foi uma carona muito estratégica.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Ela volta a falar sobre Karen, mais adiante.

      Excluir
  3. Muita gente em volta. Como desenvolver um relacionamento assim? E ainda com uma outra mulher no meio.

    ResponderExcluir
  4. O que ela também não pode reclamar é o número de fotos que tirou com o nosso anjo.

    Ela participou de vídeo e turnê. Quem mais fez trabalho com Michael assim?

    Off The Wall e Thriller não teve turnê. Ela, por sua vez, teve o privilégio de participar da primeira, na Era Bad.

    Ela foi a pioneira nas turnês.

    Sem contar o Grammy 1988 com essa música que, ao meu ver, foi um vídeo muito marcante.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade... mas ela queria mais.. queria se casar com ele. Pela forma como ela se expressou na sua última entrevista, ela deixou claro que ainda é apaixonada por Michael. Ao menos, foi a impressão que ela me passou.

      Excluir
    2. ...e eu lembro de ter lido, inda nessa biografia, que o casamento dele com a Lisa foi um golpe duro para ela.

      Excluir
    3. correção: ''ainda'' [erro de digitação]

      Excluir
    4. São oportunidades que passam uma vez só na vida e a pessoa não sabe ou não consegue aproveitar.

      Quanto à Lisa, bom que tenha se aquietado, pois já estava passando da hora. O que eu não aceito na Lisa foi a falta de humanidade dela com Michael depois de 2003 e especialmente nas vésperas do julgamento de Michael em 2005. Enquanto ele sofria nos tribunais, correndo o risco de ser condenado, ela zombou e se divertiu às custas de Michael junto com a mãe no programa da Oprah. Aquilo foi covardia e de um nível muito baixo. Elvis jamais teria aprovado aquele 'espetáculo'.

      Então, eu não considero ela como digna de ter sido esposa de Michael.

      Excluir
    5. Não que eu gostasse dela mas pra mim foi o fim quando ela e a mãe falaram tão mal do Michael na Oprah. Concordo contigo Wendy. E depois que ele faleceu teve a cara de pau de falar que ele foi amor da sua vida..me poupe!

      Excluir
  5. Essa minha meio xará é fogo viu, fez tudo planejado aiaiai... ai cara o Michael e sua timidez vão acabar comigo um dia! meus feelings não aguentam com aquela carinha e sorrisos tímidos, tão fofo e perfeitinho.....eu amooooooooo...
    Bem quero deixar minha opinião sobre Lisa Marie Presley : eu li sua biografia oficial, um livro muito bacana, onde ela relata sua vida até o nascimento de suas filhas gêmeas.Na minha concepção Lisa sempre foi mimada e imatura infelizmente nunca soube lidar bem com a responsabilidade do legado Sobrenome Presley. Ela sempre foi um horror com términos de relacionamentos; eu fico muito triste por ela ter se comportado as vezes de maneira fria e distante depois que o relacionamento dela e com nosso anjo se findou, Acho que a maturidade e arrependimentos vieram tarde, mas não devemos apenas julgá la, pois não sabemos verdadeiramente como era o relacionamento deles, e qual foi a verdadeira reação de ambos com o término. Espero e ao que parece, Lisa ao estar ao lado de Michael o fez feliz, e eu fico muito feliz por ele ter tido momentos assim. Espero que compreendam meu ponto de vista.

    Michael eternal love <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tati, eu concordo plenamente com a tua visão. O casamento deles esteve sujeito aos erros e acertos como qualquer outro casal normal, as celebridades não estão isentas de passar pelo processo de amadurecimento e recomeço.

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...