Aretha Franklin


''O que eu vou lembrar sobre Michael Jackson é sua bondade e sensibilidade. Ele me impressionou como sendo um jovem muito amável e gentil. É uma grande perda para a música, e uma grande alma que partiu. Eu pensei, 'Este menino pode realmente cantar'. 

Ele gostava de James Brown e Jackie Wilson, especialmente a sua interpretação de Doggin' Around. Ele meio que emulava isso. Mas quando você ouvia seus álbuns, você sabia que ele era original e tinha coisas vindas do seu próprio coração.'' 

Aretha e Michael
Aretha Franklin e Michael Jackson se aproximaram depois que ela levou seus filhos para conhecer o Jackson 5 no Madison Square Garden em New York, em 1970. 

De 1979 a 1982, antes de Franklin retornar a Detroit, ela era vizinha da família Jackson em Encino. Seus filhos logo fizeram amizade com os Jacksons, a quem Franklin aponta como ''muito inteligentes e bem-educados." Michael, então com 20 anos, era "tranquilo, mas ainda muito precoce".

Em um passeio pela Disney com Franklin e seus filhos Clarence e Eddie, Michael ''teve um grande momento'', lembra ela. "Ele estava muito brincalhão naquele dia. Meus filhos me disseram que ele se mantinha sorrateiramente por trás de mim como se fosse me pegar desprevenida.''

Franklin guarda uma fotografia de Michael e sua irmã Janet debaixo de uma árvore em seu quintal, de uma ocasião em que eles vieram para um mergulho.

"Michael era tímido, mas muito curioso. Ele me perguntou como meus filhos se sentiam sobre a sua mãe ser uma estrela, fazia perguntas como essa."

Sobre o passo de dança moonwalk... "Todos, dos 8 aos 80, tentaram fazê-lo! Sem dúvida, a sua música é lendária. Isso é o que vai durar.''

''Michael foi enorme em todos os continentes. Ele transcendeu fronteiras étnicas e as barreiras de cor. Ele cruzou todas essas linhas sem suor. O que fez Michael especial foi o fato de que as pessoas sabiam que ele era real. Ele era como um grande intérprete, um dos maiores do mundo nunca vai ver.''

''Ele sabia o que ele queria e ele sabia como colocá-lo em conjunto. Michael deixou-nos um catálogo de boa música. Sua música e seu espírito nunca irão morrer, ele vai durar para sempre. Agora, ele mudou-se um pouco mais alto."

video
Um vídeo tributo integrando as imagens de 
Michael com a voz poderosa de Aretha Franklin


Aretha Franklin - A Rainha do Soul e ícone da música negra - é uma cantora norte-americana de gospel, soul e R & B.

Fonte: http://usatoday30.usatoday.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...