Reflexões de Donna Massa-Chappee


''Mikeiel [Michael em judaico/cristão] esteve ciente de sua vocação a partir de uma idade muito jovem. Sua voz foi a primeira impressão que soava como um instrumento dos céus. Seu corpo era uma vibração móvel de som que transcendia dos céus. Sua capacidade de amar incondicionalmente era o caminho para o céu e a doação desinteressada de si mesmo era a porta de entrada do céu.

Michael Jackson não era um homem comum. Ele era um artista na forma mais alta, e ele foi um presente. Ele nos deixou com uma impressão indelével de amor, esperança, fé e aceitação. Ele deu de si mesmo como nenhum outro, e ele nos deixou com uma promessa de um amanhã melhor.

Eu sinto que Michael compreendeu o valor real da verdade. Tudo o que ele sentia e expressava dentro de si mesmo, ele abertamente compartilhava incondicionalmente, na esperança de inspirar e tocar os outros. Esta foi a arte de Michael na sua forma mais pura e que lhe permitiu viver e continuar a crescer como o maior artista do nosso tempo.

Sendo um Trabalhador da Luz altamente talentoso, o propósito de Michael foi o de mudar o mundo, utilizando muitos de seus talentos dados por Deus para esclarecer e inspirar a Humanidade, deixando uma impressão indelével em todos aqueles que ele tocou.

Ele era altamente intuitivo e sensível à condição humana. Ele tentou com todo o seu poder de transmitir através de seu trabalho o que precisava ser mudado, e se ele não conseguisse identificar as respostas de imediato, ele não iria parar até que as encontrasse.''

Donna Massa-Chappee autora  e ilustradora do livro
The Untold Stories Behind the "Michael Jackson Series"

Ilustrações do livro 
A Árvore Generosa
Peter Pan
O Palhaço

Planeta Terra

Tradução feita pelo blog ''Cartas para Michael''
Fonte das imagens: http://donnamassa.com

Nenhum comentário

Postar um comentário

*Bem-vindos, Moonwalkers! Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...