Remember The Time: Protecting Michael Jackson


''Tem uma memória que continuou correndo pela minha mente, uma conversa que eu tive com a Grace de volta para a casa em Monte Cristo, quando eu comecei a trabalhar lá.

Ela e eu estávamos na garagem. Eu estava montando alguns dos equipamentos de segurança e Grace estava na pequena estação de trabalho que ela tinha criado. Sr. Jackson tinha dito a ela para tentar entrar em contato com alguém.

Ela estava ficando frustrada e disse: "O chefe quer que eu entre em contato com essa pessoa e eu continuo deixando mensagens mas ninguém está me chamando de volta. É como se ele se esquecesse às vezes que as pessoas não querem ter nada a ver com ele depois de toda essa confusão.''

"Eu disse: "Que confusão? Sobre o que você está falando?"

"O julgamento", disse ela. "Desde o julgamento um monte de gente simplesmente não me retorna as ligações.''

Ela estava me me contando como as coisas funcionavam, como sempre fazia. Ela começou a me contar sobre os dias logo após o julgamento terminar.

"Depois que ele foi absolvido" disse ela, "tivemos uma festa em Neverland para ele para comemorar e ninguém veio."

"Ninguém?"

"Algumas pessoas", disse ela "mas não muitas."

Ela disse que tinha feito uma lista de convidados de todos esses amigos e pessoas com as quais Sr. Jackson tinha trabalhado ao longo dos anos. Eles convidaram perto de 300 pessoas. Talvez 50 tenham aparecido.

''E um monte de gente que veio eram pessoas que trabalhavam para ele. Pessoas que trabalhavam nos fundamentos em Neverland. Pessoas do escritório de seu advogado. As pessoas que foram pagas para estar lá. Todo mundo me ligou e disse que não poderia fazê-lo ou eles tinham outras coisas planejadas.''

"E ele sabia", disse Grace. "Ele sabia por que eles não vieram. As pessoas o chamavam e diziam que o amavam e que eles estavam orando por ele, mas muito poucas pessoas foram a público para dizer que acreditavam nele. Muitas pessoas agem como seus amigos mas elas não são realmente seus amigos. Se ele não está ganhando dinheiro, eles não estão realmente por perto."

by Bill Whitfield - Extraído do livro Remember The Time: Protecting Michael Jackson in His Finals Days escrito por Bill Whitfield e Javon Beard - ex-guarda-costas de Michael Jackson.

Fonte: http://alchrista.tumblr.com

21 comentários:

  1. Ingratidão define essas pessoas! Amigos verdadeiros são raros e poucos. :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu deveria já estar acostumada, mas vou lendo essas passagens e ...dói no coração.

      Excluir
    2. Somos duas então Rosane! Mas é dificil se acostumar com tamanha ingratidão. :(

      Excluir
    3. Sim... e esse livro tem se mostrado revelador. A gente já sabia fatos como este acima, mas contados assim nos detalhes....

      Excluir
  2. Ah essas coisas cortam o coração da gente em mil pedaços.. =(

    ResponderExcluir
  3. Imagino o tamanho da decepção de Michael, quando constatou que
    aqueles que ele considerava seus amigos, o abandonaram na hora em que mais precisava dessa certeza. Vou te dizer, viu, nosso sofreu muito, e ele não merecia.

    ResponderExcluir
  4. Por mais que a gente saiba desses fatos, dói no coração da gente.

    Injustiça e ingratidão que certamente fizeram Michael se sentir ferido e sozinho.

    (♥.♥)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, a gente sente a dor no coração como se fosse feito diretamente para a gente.

      Excluir
  5. Como Michael deve ter ficado magoado. Você achar que determinadas pessoas são amigas, mas na dificuldade lhe viram as costas. É estranho? Não, o mundo está cheio de gente assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse mundo é doente, Nadia.. eu sempre digo isso aqui em casa. Poucos são realmente sãos, e Michael é uma dessas almas abençoadas.

      Excluir
    2. Sim Rosane, nós não temos noção de como existem tantas pessoas frias, ganaciosas e egoístas. É por isso que me sinto bem aqui, porque encontro pessoas como você que pensam como eu!

      Excluir
    3. Nadia, eu fico contente que vc se sinta bem aqui, para mim é como um lar. Poucas coisas são tão gostosas como conversar sobre Michael com quem também ama o nosso anjo.

      Excluir
    4. Concordo Rosane, se a gente se sente bem, então é como se estivesse na nossa casa. Michael une as pessoas.╭•⊰✿•´¨`•

      Excluir
    5. ゚*:;;:*゚✿゚ฺ*:;;:*゚ ゚*:;;:*゚✿゚ฺ*:;;:*゚

      Excluir
  6. Graças a Deus o Michael tinha os filhos e nós fãs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, nós fomos a sua maior força.

      Excluir
  7. Lol, senti um sentimento de raiva desse povo super ingrato que não ficou com Michael quando ele mais precisava....bando de hipócritas!
    O que me conforta que houve amigos verdadeiros na vida do nosso anjo :)
    Mas fiquei na revoltiz com essa história...mas em fim...

    Michael love eternal <333

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pessoas hipócritas é o que não falta nesse mundo, infelizmente. :(

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...