Remember The Time: Protecting Michael Jackson


Javon: ''Sr. Jackson sempre estava preocupado se estávamos cuidando bem de nós mesmos. Ele sempre nos dizia: "Estão se exercitando?'' ''Estão comendo bem?'' "Não comam muita 'porcaria', não é bom para vocês.''

Na maior parte ele e as crianças eram comedores muito saudáveis, os deixava ir ao McDonalds às vezes, buscar asas quentes, sorvete, pizza ou qualquer outra coisa, mas isso era apenas como um presente.

Em seu pequeno mundo continuamente fechado, ia apenas a um restaurante de fast-food e fazia um pedido através de uma unidade - como uma aventura. Nós parávamos na caixa de alto falante e três deles pulavam um em cima do outro no banco de trás, tentando ser o primeiro a chegar à janela e fazer seu próprio pedido.

Uma vez depois de o chefe, Prince e Paris terem feito seus pedidos, era a vez de Blanket. Teve que ficar de pé sobre o banco para alcançar a caixa de alto-falante. Ele ficou lá e disse:

"Por favor, posso ter dois Krispy Kreme com batatas fritas?''

Estávamos no [concorrente] McDonalds...''

Bill: ''Blanket amava Krispy Kreme, estávamos sempre à procura de maneiras para que as crianças saissem para ver coisas novas. Então combinamos com o gerente de um dos Krispy Kremes local para levar Sr. Jackson e Blanket para o interior a fim de ver como os donuts são feitos.

Por volta das 02:30 da manhã nós fomos lá e vimos. Os trabalhadores lhes mostraram tudo, ficaram ali um par de horas apenas caminhando e aprendendo como funcionam todas as máquinas e trouxemos para casa cerca de cinco caixas de donuts.

Tinham seus pequenos entusiasmos onde poderiam tê-los. Havia vezes em que íamos dirigindo por algum lugar e Sr. Jackson dizia: "Bill, as crianças estão com fome. Podemos encontrar um McDonalds?''

Íamos ao McDonalds para comer alguma coisa, parávamos em um estacionamento em algum lugar e Javon e eu saíamos do carro, deixando a ele com seus filhos dentro, sentados e comendo.

Ele não nos pedia para sairmos do carro. Nós fazíamos assim para que ele pudesse ter esses momentos com seus filhos. Sabíamos que tinha pouca privacidade, por isso lhe dávamos o máximo que podíamos.''

 Extraído do livro Remember The Time: Protecting Michael Jackson in His Finals Days escrito por Bill Whitfield e Javon Beard - ex-guarda-costas de Michael Jackson.

10 comentários:

  1. De vez em quando é bom sair da dieta e comer um delicioso fast food. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não é? Principalmente se não faltarem as batatas fritas! *--*

      Excluir
  2. Sempre preocupado com o bem estar dos outros, no caso, dos seguranças.

    Este livro é confortador para nós, já que temos que continuar convivendo com os lixos publicados nos tabloides.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corta o coração imaginá-los sem poder descer do carro, como qualquer outra pessoa tem o direito. Miuto bacana essa sensibilidade dos seguranças, em relação à privacidade.

      Excluir
    2. ♥ Namastê angel! ♥

      É verdade amiga. Corta o coração imaginar o aprisionamento que nosso anjo teve que viver e junto com seus filhos.

      Ele se doou tanto para o mundo e em troca recebeu o aprisionamento.

      ♥♥♥

      Excluir
  3. Mto legal da parte dos seguranças pensarem na privacidade em primeiro lugar dele.. Michael era um amr ne..

    ResponderExcluir
  4. Que bacana os seguranças terem essa sensibilidade.

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...