A canção ''Just Friends''

Stevie Wonder, Carole Bayer, Michael e Liz Taylor
"Michael é um contador de histórias. Michael adora contar histórias em suas músicas. Se você ouvir Billie Jean, é uma história. Se você ouvir Thriller, é uma história. Se você ouvir Beat It, é uma história. Ele adora contar um conto." 




As palavras acima são de Carole Bayer Sager, produtora musical, compositora, liricista e cantora norte-americana e também co-compositora nas canções The Falling In Love, You Are My Life e We’ve Had Enough gravadas por Michael Jackson.

No álbum de Carol - Sometimes Late at Night [1981] - nós podemos ouvir os belos vocais de apoio de Michael Jackson na balada Just Friends. Michael também foi co-produtor nesta canção ao lado de Burt Bacharach.


18 comentários:

  1. É verdade, ele sempre disse isso. Queria contar pequenas histórias completas nos vídeos.

    Em outra nota, quando assisto suas performances, o que noto é que o microfone era uma parte importante e integrante delas.

    Veja a naturalidade com que ele interage com o microfone nesta apresentação por exemplo https://www.youtube.com/watch?v=BdupEfDipmY (no final) e em muitas outras, é como uma extensão de seu corpo. Adoro.

    Em This is it ele reclamou muito sobre os microfones acoplados à orelha. Ele não gostava. Mas disseram a ele que tinha que ser assim. Poxa, nem isso deixavam ele escolher. Ele era o Rei do Pop!

    Tem outras na History Tour em que ele se sente incomodado com esses microfones também. Não combinava com ele.

    Lembra quando os microfones tinham um longo fio? Ele dava aqueles giros inteiros e nunca se enroscava. Tem comentários de pessoas perguntando como ele consegue isso.

    Foi um crime tirar o microfone das suas lindas mãos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A atuação do Mike com os microfones também já me chamou a atenção. E o que ele faz com o microfone na interpretação de Dirty Diana durante a turnê BAD? OMG!

      O fone de orelha o incomodava, lembro dele falando em THIS IS IT. :( Sempre acostumado à liberdade dos movimentos...

      Lembro dele na HIStory Tour ajeitando o microfone de orelha, e também me perguntava como ele não se enroscava nos fios nas épocas mais antigas, com direito a giros e tudo o mais.



      Excluir
  2. Dirty Dina foi épico.

    Mas Dirty Diana + microfone + Era BAD = covardia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aquela coreografia onde ele sobe e desce no microfone, vestindo aquela camisa branca, é covardia mesmo.

      https://www.youtube.com/watch?v=DwBpB1Ok6JA

      Excluir
    2. Essa apresentação e de fazer subir qualquer pressão :p :-o :d

      Excluir
  3. Linda canção, acho q não a conhecia ou não me lembrava dela, eu confundia esse título c/ Just Good Friends em parceria c/ o Stevie Wonder, a colaboração do Michael c/ outros artistas é sempre memorável, a voz dele magnífica. Antes eu pensava q os vocais na canção The Falling in Love, fossem feitos pela Rebbie J., e eu só fiquei sabendo corretamente aqui em outra matéria, vc como sempre eficiente em suas publicações, vc é uma autêntica divulgadora do verdadeiro legado do Michael, mais uma vez parabéns angel, nunca é demais lembrar disso! \o/ :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agência divulgadora , revista eletrônica... eu me sinto honrada pelos nomes que vcs atribuem a esta página.

      Sabe, noutro dia eu fiquei 24 horas com essa canção no pensamento, logo após publicar, por conta dos vocais de Michael e mesmo quando a gente não quer, ficamos cantarolando o dia inteiro.

      Excluir
  4. Lindos vocais. A voz de Michael é linda mesmo, tanto faz falando ou
    cantando, a voz dele é melodiosa, e linda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E como é linda, Mari! Eu amo ouvir a voz dele nos áudios, em entrevistas, por exemplo, apenas para ouvir a doçura de sua voz.

      Excluir
    2. Assino embaixo dos comentários das duas Para mim, a voz dele faz verdadeiros milagres.

      Excluir
  5. Concordo que a voz do Mike é linda de se ouvir, falando ou cantando!
    A música é linda, eu não a conhecia.
    Quanto ao microfone em suas apresentações, também concordo com os comentários e acrescento a performance dele em "Blood On The Dance Floor" na History Tour, com o microfone sem fio na mão.
    Show!!! =D7 =D7 =D7

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Blood On The Dance Floor" na History Tour é outra covardia. No bom sentido. :-bd

      Excluir
  6. Michael nosso melhor contador de historias; a maioria das canções do nosso anjo fala de características da vida que coicidem com situações vividas por nós, é que as tornam contos fascinantes...amuuu muitão esse contador de histórias.

    Michael love eternal <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagine poder sentar ao lado dele, em uma roda de amigos, para ouvir a ele contando histórias! Melhor ainda... à noite, à luz do luar, na parte externa do rancho Neverland. Uau!!

      Excluir
  7. Ai Rô sonhando aqui acordada com esse perfeito pensar ai nossa .....sonho mais que perfeito ....uau ....

    Michael amo vc muito <3 <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa música é muito linda, Tati! Eu piro no replay! ♥

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...