Remember The Time: Protecting Michael Jackson


Bill: ''Naquele tempo, ao ver como as coisas estavam, pensei, ''Isto é o que é.'' Agora, olhando para trás, eu honestamente acredito que se a relação com a sua família tivesse sido melhor, se ele tivesse a mesma relação com a própria família como a que tinha com os Cascios, sua vida não teria sido como era agora. É aí que estava o problema.

Houve algumas conversas que tive com Grace sobre os primeiros dias, quando a sua vida era mais organizada. Lembro de uma vez em que ela disse que quando Sr. Jackson se casou com Lisa Marie Presley, foi um momento muito bom para ele. Grace sentiu que ela realmente o amava e ele a amava, também. As coisas estavam mais em ordem por causa da confiança que tinham.

Lisa Marie se assegurava que as pessoas erradas ficassem longe dele, que essas pessoas não o ''usassem''. Ou ela ao menos tentou, de todas as maneiras. E se você está em uma posição como a que Michael Jackson estava, você tem que ter essa pessoa que está lá, alguém que não está ali para receber um salário, alguém sem uma agenda.

No começo, quando chegamos lá vimos que Sr. Jackson não iria deixar sua família passar além da porta, sem um agendamento, eu pensei que era errado fazer isso. Mas com todas as coisas desagradáveis que tinha sido dito sobre eles, fazia uma espécie de sentido.

Tínhamos ouvido falar que a família era podre, que eles estavam tentando aproveitar-se dele, queriam controlá-lo. Ficamos sabendo que eles iriam tentar sequestrá-lo. Histórias sempre desagradáveis que apareciam nos tabloides, ficamos a saber que alguém da família tinha vazado.

Mas, honestamente, depois de ter estado em torno por um tempo, com a maior parte da família eu nunca vi esse tipo de atmosfera ruim.

Com Randy? Sim. Randy era Randy. Ele e Michael tiveram algumas divergências sobre negócios. E Jermaine, ele era bastante amigável, mas cada vez que eu ligava e ele vinha, sempre parecia ter um projeto no qual ele estava trabalhando.

Jermaine foi o que deixou o grupo em primeiro lugar; Se supunha que teria uma carreira solo, mas nunca realmente aconteceu. Pode ter havido algum ciúme aí. Jermaine também tentou vender um livro durante o julgamento e eu acho que Sr. Jackson nunca o perdoou por isso.

A relação entre Jermaine e Michael não era tão estreita como algumas pessoas podem pensar, pelo menos não no que pudemos ver.

Mas todos os outros? Jackie e Rebbie e Tito e o restante? Nunca tive uma vibração ruim. Eles sempre foram cordiais, sempre respeitosos. A única sensação que recebi deles foi a preocupação. Eles estavam preocupados com seu irmão.

Mesmo Joe Jackson. Apesar de que foram desagradáveis para mim as vezes em que eu o encontrei, como as histórias terríveis que contam sobre ele, por parte de algumas pessoas que querem fazer dele o vilão do filme.

Grace disse algo que ficou comigo. Ela disse que a única pessoa que nunca roubou Michael Jackson foi seu pai.

Para mim, eu sou o mais novo de seis. A minha relação com o meu pai não foi a melhor. Ele foi um ex-soldado que lidou com regras muito rígidas. Ele era o disciplinador. Eu estava do outro lado disso e subindo.

Essa era uma medida acertada para um monte de famílias negras da época. O mundo não estava cheio de oportunidades para os jovens negros, e as chances que vinham do contra eram tão esmagadoras. Gangues. Crime. Problemas na escola. Então, se você saísse da linha, estava perdido. Isso é o que era.

Sr. Jackson inclusive fez esse comentário para mim uma vez, quando estávamos conversando sobre nossas famílias. Ele disse que não sabia por que a mídia tinha feito um grande negócio com a maneira como seu pai costumava discipliná-los. Não era uma coisa incomum, então. E para levar uma família de onde eles estavam? De Gary, Indiana, de onde ele os levou?

Eu acho que é difícil julgar Joe Jackson se você não viver a vida de Joe Jackson. Se ele não tivesse feito, quem sabe se eles seriam o que foram, quem sabe se o mundo teria ouvido falar de Michael Jackson.

Eu entendi por que ele não estava por perto para alguns de seus irmãos. Mas todos eles? A família inteira? Não fazia sentido. Dos oito filhos, com todas as sobrinhas, sobrinhos e primos, não poderiam ser todas más pessoas. Isso não é possível.

Mas nós tivemos instruções diretas de que ninguém de sua família poderia passar, com exceção de sua mãe. Ela era a única que tinha o seu número, mas os irmãos sempre a convenciam a dar para eles.

Então eu devo ter mudado o número dele, pelo menos, quatro vezes nos primeiros seis meses. Cada vez, ele para se manter longe de sua própria família.

Até sua mãe, que poderia ligar ou visitar sempre que ela quisesse, às vezes ligava e pedia para não falar com ele. Talvez ela não quisesse incomodá-lo, não querendo que ele pensasse que ela queria se intrometer. Ela me ligava e eu perguntava se ela estava tentando falar com seu filho e ela dizia que não. Me perguntava, por exemplo, "Ele está bem? Está se alimentando?''

"Sim, senhora. Está bem. Está assistindo a um filme com as crianças."

"Ah, bom. Obrigada."

E era isso. Ela estava apenas averiguando sobre ele, como as mães fazem. E essa é a sensação que eu tenho para a maior parte de sua família, também. Eles estavam preocupados com ele.

É por isso que eu tive a sensação que a relação com sua família sofreu por conta dos manipuladores durante anos. E ninguém da família dele estando lá, muitas pessoas diferentes foram capazes de alcançar e colocar as mãos na cesta para pegar seu dinheiro, ou manipulá-lo no estado frágil em que estava.

Ele realmente não tinha ninguém para protegê-lo, nesse sentido. Tinha os seguranças para proteger o seu bem estar físico. Ele tinha os melhores advogados do país para cuidar de seus contratos de gravação e seu catálogo de músicas. Ele tinha tudo. O que faltava para a organização eram pessoas que realmente se importavam com Michael Jackson.''

Extraído do livro Remember The Time: Protecting Michael Jackson in His Finals Days escrito por Bill Whitfield e Javon Beard - ex-guarda-costas de Michael Jackson.

Fonte: http://mjhideout.com


21 comentários:

  1. Faltava amor. A maioria ao redor de Michael só tinha interesse, nada mais. Só o viam como fonte de renda. E ele só queria ser amado de verdade.

    ResponderExcluir
  2. Mãe é mãe em qualquer lugar do mundo...
    Concordo com Bill quando ele fala: Se ele tivesse uma relação boa com sua família, se fosse da mesma maneira que era com os Cascios, sua vida seria diferente.
    Já pensei sobre isso, porquê tinha que ser assim?
    Quem sabe tudo seria diferente, hoje estaria nos dando alegria, com novas músicas, a sua dança mágica e estaria nos braços de sua família, principalmente sua mãe.
    Realmente aí tudo seria diferente, um verdadeiro sonho realizado para nós.
    Bjs


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Familias sempre podem ser complicadas, conheço tantos exemplos! :(

      Excluir
  3. Boa noite, Rosane!

    Concordo com Bill em tudo o quel ele disse.
    Michael, na posição que ocupava, precisava de pelo uma pessoa que o amasse e que pudesse estar ao seu lado sempre vigiando contra os inúmeros vampiros e sanguessugas que o rodeavam, como disse Lisa Marie à Oprah em 2010.
    Pena que não foi assim, tudo poderia ter sido diferente, realmente! :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Regina! Eu concordo com as tuas palavras. :)

      Excluir
  4. Concordo sobre a Lisa. Sempre lamento que não tenha dado certo. Casal lindo de se ver.

    Acredito que todo o bando interesseiro que o cercava o influenciou a respeito da família. Para eles não seria bom negócio se a família o protegesse. Assim como, fizeram tudo para que o casamento com a Lisa terminasse rapidinho. Ninguém que interferisse no roubo seria bem-vindo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que sempre tentaram afastar as mulheres da vida de Michael, desde que ele era jovem. Acredito que seus pais nem sempre viam com bons olhos Michael envolvido com uma namorada, porque isso iria interferir na sua carreira.

      Excluir
    2. ''Eu lembro de estar com seus pais. Eu sempre senti que estava sendo observada, como se eu não fosse boa o suficiente ou algo a ser permanente com Michael!''

      depoimento da Maureen McCormick

      http://cartasparamichael.blogspot.com.br/2012/01/maureen-mccormick.html

      Excluir
  5. Verdade, todos, incluindo a família queria o Michael só para eles, como Michael mesmo disse, ele era o Golden Boy. Então, a família também não era exatamente, por amor ou não somente por amor. Até mesmo a mãe dele, apesar de ela ser a melhor de todos. Ninguém pensou na felicidade do Michael.

    Imagina como ele deve ter se sentido, sozinho, num mar de gente, aparentemente que queriam o bem dele.

    E essa clausura que impuseram a ele não permitiu que tanta coisa mais pudesse ter brotado de sua sensibilidade artística. Imagina ele cercado de amor e feliz, com a energia e confiança de seu auge, não teria criado, produzido, inventado, descoberto?

    O mundo perdeu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo. Todos querem um pedaço de Michael. :(

      Excluir
  6. Boa noite amiga,
    tudo bem? saudades, viu?

    fico pensando o porquê de Michael manter uma certa distancia da família, exceto sua mãe. Infelizmente juntando algumas peças desse enorme quebra cabeças que foi a vida de Michael, subtende-se que a os irmãos tinham atenção e carinho mas também por trás seguia-se um eterno interesse que Michael voltasse a se juntar aos irmãos. Acho que isso foi fator fundamental por esse distanciamento. Uma pena mesmo.

    Bjos Rosane e uma ótima semana pra ti!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, amiga, tudo bem comigo, sim, espero que esteja tudo tranquilo com vc também. :)

      Interessante essa passagem sobre Michael e seus famiiares, e eu concordo com a tua visão. Também acredito que havia o carinho fraternal, mas essa relação devia ser pontuada com esse interesse, o qual vc mencionou.

      Michael nunca foi egoista com seu dinheiro, mas ele sentia-se magoado ao perceber que poderia estar sendo usado por pessoas de quem ele esperava o afeto desinteressado.

      E ele ajudou a todos, por muito tempo, por trás dos bastidores. Lembro dele contratar os serviços do marido da Rebbie para cuidar da área externa do rancho Neverland, empregava primos para trabalhar nos bastidores de suas turnês solo, ele tinha essas atitudes. E também emprestou, ou doou, muito dinheiro aos familiares, e os presenteou, também. Em troca, ele queria apenas seu afeto.

      Sendo ele uma pessoa sensivel, certamente sentia esse tipo de atitude e isso o fazia se isolar dos familiares.

      Bjs, amiga, uma semana abençoada para vc também! ♥♥♥

      Excluir
  7. Eu nunca simpatizei com a família dele, para mim, são interesseiros.
    Viveram e vivem na sobra de Michael.
    Rosane, você foi muito feliz no seu comentário, assino embaixo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como dizia a minha mãe, ''familia é tudo igual, só muda de endereço''..rs

      Excluir
  8. Concordo com Bill tb, sempre gostei de como a Lisa cuidou dele, acho q eles formavam um casal lindo. Ele precisava urgentemente de pessoas com personalidade ao redor dele, e ñ interesseiros que só pensavam em benefício próprio !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar do nosso natural ciúme de fã, sempre torcemos para que Michael fosse feliz no amor, que ele tivesse alguém ao seu lado nos momentos mais dificeis.

      Excluir
  9. "O que faltava para a organização eram pessoas que realmente se importavam com Michael Jackson.''

    É uma pena mesmo. Corta o coração.

    ♥♥♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta observação também chamou a minha atenção. Bem conveniente.

      Excluir
  10. Família só muda de endereço mesmo por que os problemas são sempre semelhantes. No caso do nosso anjo, a mídia sempre retratou (como sempre) da pior forma as relações afetivas da Família Jackson. A frase final do artigo me fez chorar aqui. OMG como eu queria ter dito o poder de estar perto dele, em ajuda lo mais... ai meu coração fica pequenininho só de pensar nas situações que ele teve que enfrentar...

    Michael miss you, I love you so much :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso que seus fãs são o seu maior legado, de nós ele sempre terá o nosso amor. :)

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! :)
Os comentários são moderados [a fim de evitar spams]
e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line.
Esta página é feita com amor e eu agradeço a sua presença.
*Rosane [admin. do blog]

Obs.: Para assuntos não referentes à matéria eu peço que utilize o email [cartasparamichael@gmail.com] ・。.。・゚゚・。.。・゚゚・。❊

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...