Kerry Anderson (01)


''Ele estava com medo. Às vezes, ele estava animado, quando eu tentava incentivá-lo, lhe falando sobre a fé, buscando a sua fé... e dizendo a ele que você tem que ir para um tipo diferente de fonte, quando você está lidando com esse tipo de atmosfera, ou seja, com Sneddon e este tipo de indivíduos do Ministério Público que estiveram envolvidos nesta campanha de difamação.

Mas foi muito difícil, ele estava sendo desafiado mentalmente e fisicamente... Em várias manhãs ele estava fisicamente doente. Eu quero dizer, fisicamente doente a caminho do tribunal, e algumas vezes nós desviávamos... saíamos diretamente do tribunal e íamos para o hospital e ele era tratado e hospitalizado.

Em certa ocasião, ele estava tão doente e... era muito difícil para ele... mas seria um desafio para qualquer um. Eu sempre disse a ele, quando eu tentava incentivá-lo, o quão forte eu pensava que ele era... apenas falando sobre as pressões de quem ele era, e como eles tentavam difamá-lo, apenas para arruinar o seu nome, especialmente quando você sabe, no fundo de seu coração, você é inocente. 

E ele passou por todos os tipos de emoções, como eu disse, ele estava com medo, Michael realmente não sabia se ele iria vencer esta coisa..."

by Kerry Anderson
*Guarda-costas de Michael Jackson em 2005, ele aparece na fotografia acima, segurando o braço direito de Michael.

Fonte: all4Michael

26 comentários:

  1. Boa tarde Rosane,

    Michael era muito forte mesmo. Ele tinha na fe um grande suporte para seguir, diante de tantas provacoes.
    Fico feliz porque agora ele esta salvo de toda essa maldade. E com certeza deve saber os motivos de ter passado por tantas coisas aqui na Terra. Porque ele nao merecia.
    Ele nao tinha sossego, tadinho. E saber disso doi muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Verônica! Dói na gente saber o quanto ele estava incerto sobre o seu futuro, ele deve ter chorado muito, desolado. Ainda bem que o veredicto foi justo, a despeito de todas as tentativas de incriminá-lo. :(

      Excluir
  2. Só falta esse veredicto ser aceito por todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite meninas,
      Perfeito Elisa!!!!
      Como li uma vez aqui, ele foi absolvido dentro do tribunal e condenado fora dele.

      Excluir
  3. Boa noite, meninas!

    Posso imaginar como ele se sentia, sobre o medo do veredicto. Eu acompanhei diariamente a reconstituição do que acontecia nas audiências (resumo) pela E! Entertaiment Television e, mesmo percebendo que a inocência de Michael se mostrava mais clara a cada dia, ficava apreensiva temendo a decisão do júri. Tadinho do Michael, era sua vida, sua reputação, sua liberdade, sua carreira que estavam em jogo. Quanto sofrimento!!! :(

    E o pior é que a maior parte da mídia não mostrava o que se passava lá dentro e promovia outro julgamento. E continuou com sua maldade, mesmo depois do veredicto que não poderia ser outro: INOCENTE!

    Gostei muito do depoimento do guarda-costas Kerry Anderson. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Regina! Segundo um artigo do jornalista Charles Thomson, os urubus, quero dizer, a midia, ficou com a cara no chão, do lado de fora do tribunal, após o veredicto. Porque havia todo um circo armado para se promover a partir daquele momento, se Michael fosse condenado. Seu veredicto como ''não culpado'' foi um banho de água gelada em cima deles. E em cima da turma do capeta Sneddon, também.

      Excluir
    2. Aproveito o assunto e deixo aqui o link desse texto maravilhoso, para aqueles que ainda não o conhecem.

      http://cartasparamichael.blogspot.com.br/2012/05/charles-thomson.html

      Excluir
    3. Verdade, angel! Eles estavam tão obcecados com a ideia de condenar Michael de qualquer maneira, que tinham certeza do resultado. Como comentei em outro post, vi em um documentário, que haviam alguns jornalistas ensaiando para passar o veredicto que eles tinham como certo, pouco antes da fã começar a soltar uma pomba branca a cada um dos dez "NOT GUILT"! A verdade prevaleceu. \o/

      Excluir
    4. Eu me lembro... imagine só por um momento, se ele tivesse sido condenado... Deus... ele não sobreviveria! :(

      Excluir
    5. Corrigindo: Not guilty! :)

      Excluir
  4. De alguma forma eles venceram, porque depois disso Michael nunca se recuperou. Seu coração ferido jamais cicatrizou, sangrou até morrer. Só Deus se apiedou dele e o chamou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, e é triste. ''Ele é como uma corça que, apesar de ferida, continua a caminhar.'' [citação de Jane Fonda sobre Michael]

      Excluir
    2. Verdade, Elisa, você tem razão! Por isso muitos dizem que ele sofreu uma crucificação moderna pela mídia. :(

      Excluir
  5. E, até hoje, ouço comentários a seu respeito que me entristecem. Admitem, sim, que depois de sua morte, quando todos falavam dele, se interessaram por ele e por sua música, e viram a qualidade dele, gostaram, mas, ... e, ai vem aquelas coisas todas.

    O que vocês fazem quando ouvem algo negativo a respeito de Michael?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da minha parte, vai variar conforme a pessoa que está questionando. Se eu sei que ela tem inteligência para compreender o que eu explico, vou adiante. Se for daquelas bem medíocres, deixo ela falando sozinha.

      Excluir
    2. Elisa, eu também faço como a Rosane. E às vezes têm aquelas pessoas que até são inteligente e ficam questionando, então, eu digo: se você me disser quem foram Evan Chandler e Tom Snnedon e o que eles realmente fizeram em relação ao MJ eu continuo discutindo. Isso aconteceu com o meu dentista e ele ficou quieto.

      Excluir
    3. Tem gente que não vale a saliva que se gasta... :-q

      Excluir
  6. E, foi o que fiz, mas não me sinto bem. Inteligência deve ter, mas, ela comentando que assistiram um show no Discovery sobre a autopsia (aquele programa horrível) e o filho de 10 anos comentou que Michael tomou os remédios porque quis porque o médico deveria ser culpado? com risadas de todas, me fez cair no chão, sabe? Precisaria de uma longa explicação, começando por por quê não se informar primeiro antes de julgar? E, ensinar ao filho o mesmo caminho, etc, etc...

    Enfim, uma doutrina, que parece não ter nenhuma chance. Mas, me fez mal, muito mal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também teria me sentido mal, Elisa. Nem dá para traduzir em palavras como eu me sentiria. As pessoas podem ser muito estúpidas, quando querem.

      Excluir
  7. Concordo com todas vocês, meninas. Michael passou por tantas coisas ruins durante aquele "circo de horrores", que com certeza, só a força divina pôde fazê-lo suportar tanta humilhação, outro mortal, de alguma forma, teria morrido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Ele sempre foi um homem de Deus.

      Excluir
  8. Meu Deus como ele foi forte, eu sempre admirei seu talento, sua dança, sua personalidade, sua beleza e essa força que ele tinha me surpreende muito, eu fico me imaginando no lugar dele e posso dizer que não iria aguentar tanta pressão

    ResponderExcluir
  9. Meu Deus como ele foi forte, eu sempre admirei seu talento, sua dança, sua personalidade, sua beleza e essa força que ele tinha me surpreende muito, eu fico me imaginando no lugar dele e posso dizer que não iria aguentar tanta pressão

    ResponderExcluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! :) Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line.
**Para assuntos privados e não referentes à matéria eu peço que utilize o email [cartasparamichael@gmail.com] ・。.。・゚゚・。.。・゚゚・。❊
*Rosane [admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...