Depoimento de Berry Gordy (02)


''Eu podia ver tanto nele, era mais do que apenas cantar e dançar. Era sobre conhecimento. Ele ficava bem próximo a mim para ver o que eu estava pensando. Eu pensava que ele estava lendo a minha mente ou algo assim. Michael era um gênio. Um pesquisador. Ele estudava, estudava, estudava. Ele foi um dos maiores ouvintes que eu conheci.''

Berry Gordy (fundador da Motown Records, responsável pela contratação do Jackson Five em sua gravadora em 1968)

Fonte: http://www.mjtranslate.com

19 comentários:

  1. Berry Gordy ícone! Único que não vi falar asneiras depois da passagem de Michael.

    ResponderExcluir
  2. Pra mim, Berry Gordy foi o verdadeiro mentor do Mike e até uma figura paterna, eu diria

    Pq além de dar a oportunidade de ouro de sua vida, parece que ele era mais sensato, paciente e carinhoso (algo que Joe definitivamente não era)
    Então, sua forma ponderada de guiar e orientar foi a estrutura que faltava para Michael, acho que com Berry, ele tinha mais liberdade de se abrir, conversar de igual pra igual e aprender com mais prazer

    Foi Berry Gordy quem sugeriu que MJ fosse morar com Diana Ross e isso foi uma bênção em sua vida, pq lá ele pôde sair um pouco do meio daquele turbilhão da família e recebeu o carinho da Diana, que também lhe ensinou etiqueta, gosto por leitura, artes...

    Tudo bem que também teve aquela parte chata dele não dar muita liberdade criativa pra que os irmãos explorassem mais o seu potencial como compositores na Motown, mas ninguém é perfeito, afinal... e mesmo assim, isso não acabou com o carinho de um pelo outro

    Um exemplo disso foi que Berry até chegou a disponibilizar o mausoléu de sua família pra que o corpo de Michael Jackson ficasse lá por um tempo. Sinal de que ele realmente o considerava como um filho!
    Grande homem!!
    (Tomara que ele nunca nos dê motivos de decepção, assim como o Quincy Jones deu)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isabele, eu concordei com cada linha do que vc escreveu sobre o Berry Gordy, é exatamente desta forma que eu o vejo.
      Às vezes, me pergunto se o amor que Michael desenvolveu pela Diana Ross não estava baseado em um tipo de projeção por causa de Berry Gordy, porque Berry teve um romance e um filho com a Diana.
      Também admiro este espírito empreendedor do Berry como empresário, e fico feliz que Michael o teve em sua vida para preencher aquela coluna emocional no que toca a figura paterna.

      Excluir
    2. Ele é um gênio total, geral e irrestrito!!! O que seria da música, no geral (e não só a negra) sem Berry Gordy e Motown?
      Diante de tudo que representa, eu acho que ele é até bem pouco valorizado!

      Naquela série The Jacksons An American Dream, tem até uma insinuação de que Joe Jackson realmente sentia ciumes da relação próxima e afetiva que Berry Gordy tinha com Michael.
      (com isso bem que Joe podia ter se tocado e mudado de atitude, né?)

      Por falar em Diana Ross - admito estar chocada e chateada com ela desde antes de Michael morrer. Parece que eles se distanciaram e depois ela declinou de cuidar das crianças (até quando teve aquele reajuste de custódia entre Katherine e TJ, ela não quis se envolver) e acho que não participa da vida deles em momento algum!
      Eu até queria saber sua opinião a respeito, Rosane. Isso me confunde

      Excluir
    3. Sim, Joe Jackson estava enciumado da relação paternal entre Berry e Michael, estou convencida disso. mas Joe não soube lidar com este sentimento.
      Me identifiquei contigo de novo, a respeito da Diana Ross... fica aquela sensação que Michael investiu tanto sentimento em quem não tinha a intenção de retribuir......

      Excluir
    4. Às vezes, sinto um tanto de raiva da postura da Diana Ross... como se ela não o tivesse valorizado como ele merecia.

      Excluir
    5. Na minha opinião ainda há segredos muito bem guardados nessa relação Michael/Diana. E ela se aproveitou da juventude e ingenuidade dele para impressioná-lo e depois não teve coragem para assumir e o deixou sem se importar com sua dor.

      Excluir
    6. Concordei com vc, Elisa. Me lembro agora a cena em que ela se senta no colo de Michael durante uma premiação [acho que World Musc Award], e Diana se senta de costas para a princesa, ali foi provocação. Achei um gesto de super mau gosto, estavam no país da princesa e na presença do principe Albert, também. Então ela se senta no colo do Michael e o provoca. Não gostei, ela o manipulou.

      Excluir
    7. Nem consigo ver direito essa cena, acho muito embaraçosa para todos. E lembre-se que quanto a segredos que possam denegrir a imagem de alguém que MJ amou(até mesmo de qualquer pessoa creio)ele não abre a boca (vide Lisa Marie, ele só desejou que ela fosse feliz).

      Excluir
    8. Sim, Michael sempre foi ético nesse sentido, assim como não falava mal de colegas artistas durante as entrevistas. [Apenas confidenciou sobre Madonna para o rabino, não imaginava que iria vazar aquela história.]

      Excluir
    9. Muito embaraçosa mesmo, aquela cena da Diana. Também não gosto de ver, sinto vergonha alheia.

      Excluir
    10. De repente, me lembrei de toda a classe da princesa Diana... que era Diana também..rsrs

      Excluir
    11. Diana Ross não deu nenhuma demonstração publica de apoio a Michael durante o julgamento, não esteve no Memorial, nem no funeral e a UNICA homenagem que eu me lembro dela fazer, foi mostrar uma foto deles no telão de um de seus shows
      (fora toda essa situação com os filhos dele)

      Tá certo que num post antigo, eu falei que pessoas se vão da vida umas das outras o tempo todo, mas Poxa Vida!! ela não é qualquer uma - é Diana Ross!! uma das pessoas mais importantes para Michael, alguém que ele amou a vida inteira e depositou a confiança de que pudesse cuidar de seus bens mais preciosos - os filhos!!!

      A ultima vez que se tem notícia deles juntos foi em 2002 com Elizabeth Taylor, no casamento de Liza Minnelli e David Gest. Blanket nasceu nesse ano e deve ter sido a ultima vez que MJ mexeu em seu testamento, eu acho que é por isso que Diana ainda está lá (pq nessa época ainda estavam próximos)
      Acho que Mike teria mudado isso se pudesse

      Tudo bem, ela fez grandes coisas por ele, isso é inegável e nada vai apagar, mas é justamente por isso que essa atual postura da Miss Ross me dói tanto!

      Excluir
    12. Me arrisco a dizer que Diana prezava Michael menos do que ele poderia acreditar. Uma demontração pública de apoio à sua pessoa na época do julgamento seria muito bem vinda.

      Excluir
  3. É bem como vcs disseram... Esse tem nosso respeito né meninas!? Querido...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem sim..... Berry é um homem de valor!

      Excluir
  4. Concordo com tudo o que foi dito aqui. Penso o mesmo sobre Diana Ross e sobre Barry Gordy. Este sim, tem todo meu respeito, admiração e gratidão! Ele foi um dos grandes responsáveis pela história de enorme e merecido sucesso do nosso amado rei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nada a acrescentar... perfeito!!!!

      Excluir
:) :( ;) :D :-/ :P :-O X( :7 B-) :-S :(( :)) :| :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd

*Bem-vindos, Moonwalkers! Este é um espaço de amor à memória de Michael Jackson. Os comentários são moderados e estarão visíveis tão logo eu esteja on-line. [Rosane, admin. do blog]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...